Orientação Profissional – conhecendo as profissões: Assistentes Sociais

Orientação Profissional – conhecendo as profissões: Assistentes Sociais

O que fazem:

Assistentes sociais são profissionais dedicados a diminuir ou eliminar efeitos negativos que problemas como desemprego, criminalidade, miséria, epidemias e deficiências dos sistemas públicos de saúde e educação exercem sobre as pessoas e comunidades. Atuam tanto nos momentos de crise quanto no dia a dia, procurando ajudar segmentos mais carentes da população a eliminar as barreiras ao seu desenvolvimento sadio. O trabalho de assistência social pode ser:

de caso – presta assistência ao indivíduo isoladamente;

de grupo – atende a grupos definidos, como trabalhadores de uma empresa falida, parentes de presidiários, deficientes físicos ou mentais, sobreviventes de uma chacina;

de comunidade – atua no desenvolvimento de comunidades mais desfavorecidas como moradores de favelas, colônias de pescadores, trabalhadores rurais, seringueiros, ajudando-as a organizarem-se para encontrar soluções para seus problemas, transformando carências em autonomia.

Características pessoais:

Autocontrole;
Capacidade de articulação política;
Capacidade de comunicação;
Capacidade de convencimento;
Dinamismo;
Equilíbrio emocional;
Facilidade de expressão;
Independência em relação aos problemas alheios;
Interesse pelo bem-estar social;
Paciência;
Sensibilidade.

O trabalho dos assistentes sociais, apesar de ter origem histórica na caridade religiosa, não se resume apenas à ajuda: procura preparar indivíduos, grupos e comunidades para exercer e reivindicar seus direitos.

ORIENTE-SE, FAÇA ORIENTAÇÃO PROFISSIONAL!

Fonte: Guia de profissões.